A Apple não é a única gigante da tecnologia que quer entrar na indústria automóvel. No ano passado, a empresa de eletrónicos chinesa Xiaomi já se tinha associado a algumas empresas do ramo para construir seu primeiro veículo.
Agora, a empresa de tecnologia chinesa pretende construir um carro elétrico para concorrer com a Tesla e com o futuro carro da Apple.
A nova indústria automóvel elétrica
Esta não é a única empresa de tecnologica chinesa que pretende entrar na indústria automóvel, já que a Huawei também o planeia fazer, com uma série em carros elétricos.
De acordo com a imprensa local, o CEO da Xiaomi, Lei Jun, irá liderar o projeto para garantir que atendará às expectativas. A Xiaomi claramente quer causar uma forte impressão com seu primeiro carro elétrico.
Considerando que os carros elétricos da Huawei serão focados para competir com os Volkswagen ID.4, Tesla Model Y e Ford Mustang Mach-E, o primeiro carro elétrico da Xiaomi será um EV de ponta com um preço premium e tecnologia sofisticada.

Mercado e distribuição mundial

Além de capitalizar no lucrativo mercado chinês de carros elétricos, a Xiaomi planeia vender o seu primeiro carro elétrico em todo o mundo. Embora pareça uma estratégia arriscada, o carro da Xiaomi será um rival direto do carro da Apple.
Os smartphones de última geração da empresa valeram-lhe o apelido de “Apple da China”. No ano passado, a Xiaomi ultrapassou a Apple para se tornar a terceira maior fabricante de smartphones do mundo e agora quer também uma fatia no mercado dos automóveis.