Durante as férias, para chegarmos a um local que não conhecemos ou até mesmo de casa para o trabalho. Já é difícil sobreviver sem o nosso sistema de GPS durante as viagens de carro. As apps vieram para facilitar as tarefas mais básicas do dia-a-dia e uma app como o Waze não é exceção.

Graças à constante atualização dos mapas que diminui a possibilidade de erros, o Waze permite descobrir caminhos alternativos e até adotar a rota se for mais favorável. Como?

Parte do universo Google, o Waze apresenta uma cobertura de mapas muito completa, usando diferentes fontes, incluindo os utilizadores. Funciona como uma rede social da estrada, isto é, permite que os seus utilizadores interajam e colaborem entre si, ao mesmo tempo que essa interação melhora as leituras de software. A colaboração de um utilizador melhora a viagem de outro. A partir da interação dos utilizadores, o software é capaz de reconhecer os comportamentos de engarrafamento no trânsito e alertar sobre as rotas mais complicadas. Por seu turno, os utilizadores podem contribuir e denunciar a ocorrência de um acidente, da existência de um radar, de obras, cortes na via ou qualquer outro evento. O Waze tem ainda a capacidade de informar da alteração da rota a meio da viagem a fim de melhorar aquele trajeto. O melhor ainda é que é gratuita.

De todo o modo, não nos podemos esquecer que tanto esta aplicação como outras servem para auxiliar no nosso dia-a-dia e devem ser usadas sempre em condições de segurança. Por exemplo, o trajeto deve ser definido no início de cada viagem para evitar pegar no telemóvel equanto conduz. A atenção à estrada não deve ser desconsiderada: se se enganar no caminho – por exemplo, porque não fez uma leitura correta do percurso- relaxe e continue, a app vai redefinir o seu trajeto em segundos.