Ainda com alguns dias chuvosos, todo o cuidado na estrada é pouco. A chuva pode trazer algumas dificuldades na condução, nomeadamente, o perigo de formação de lençóis de água. Descubra que é o que é o Aquaplaning e como o evitar.

O aquaplaning ocorre quando é formada uma camada de água entre os pneus e a superfície da estrada, que por não ser expelida, faz com que estes percam a aderência e contacto com o solo. Por conseguinte, o veículo deixa de responder ao volante, ao movimento da travagem e da aceleração e pode culminar numa situação perigosa com o condutor a perder o controlo da sua condução.

A hidroplanagem, mesmo significado, acontece sobretudo quando as estradas não tem canais de escoamento suficientes para chuvas mais rigorosas. A má qualidade do piso e a falta de manutenção, ou manutenção defeituosa das canalizações e escoamentos são também fatores que potenciam a ocorrência deste fenómeno.

Quanto mais gasto estiver o pneu menor é a sua capacidade de resistir ao aquaplaning, quanto mais profundo for o lençol de água, mais facilmente o carro perderá a tração. Atualmente já existem pneus especiais com sistema designado Anti-surf que devido à forma arredondada do ombro do pneu consegue atravessar a água, atrasar a hidroplanagem, sem diminuir a área de contacto com a estrada.

Com efeito, esta situação potencialmente perigosa pode ser evitada com alguns cuidados, não só mas também, por parte do condutor: Como? Simples, o condutor deve verificar regularmente a pressão, as estrias e a profundidade dos pneus do seu carro e, em alturas de precipitação, adotar uma postura mais prudente, reduzindo a velocidade.

Por sua vez, a empresa/entidade responsável pela construção e manutenção das estradas tem também um papel fundamental na prevenção da hidroplanagem, pelo que deve zelar pelo bom funcionamento das mesmas e garantir que estas têm canais de escoamento suficientes e eficazes para evitar a ocorrência deste fenómeno.